Quiropraxia

A Quiropraxia é uma profissão de área da saúde que se dedica ao diagnóstico de disfunções biomecânicas, bem como seu tratamento e prevenção, atuando no sistema neuro-músculo-esquelético (ossos, articulações, ligamentos, nervos)

É uma prática reconhecida e incentivada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) com certificação de nível superior. A Quiropraxia é uma profissão na área da saúde, relativamente nova no Brasil, onde o profissional é graduado à nível superior, se tornando Bacharel, o curso dura em média 5 anos, no nosso país apenas duas Universidades possuem essa graduação.

O Quiropraxista torna-se especialista em coluna vertebral, ou seja, ele mesmo avalia, diagnostica e trata os problemas específicos do paciente, não havendo a necessidade de passar por nenhum outro profissional antes.

Após avaliar o paciente, o Quiropraxista já com o diagnostico previamente feito, é capaz de corrigir as subluxações que são os desalinhamentos causados na coluna, através de ajustes, podendo ser manuais, ou com o uso de algum aparelho, visto que dentro da Quiropraxia, existem mais de mil técnicas, melhorando com o ajuste a comunicação entre o seu cérebro e todo seu corpo, diminuindo desta forma a dor e outros sintomas que estejam se apresentando, levando o seu corpo a um processo de homeostase, ou seja, de auto cura.

Isso acontece porque o cérebro não precisa mais avisar o corpo com sintomas desagradáveis, pois a causa deles já foi corrigida. A Quiropraxia não foca apenas no alívio dos sintomas, ela trata a causa deles, restaurando a função da coluna e devolvendo ao corpo alinhamento e saúde.

No mundo ocidental a Quiropraxia é considerada a terceira maior profissão na área da saúde, com cerca de duas mil pessoas recebendo seus benefícios todos os dias.

Você pode entender melhor imaginando que os nossos cérebros são protegidos por um casco grosso de osso (o crânio), enquanto a medula e os nervos estão no meio da nossa coluna vertebral que, por ser móvel, não tem a mesma capacidade de protegê-las.

Algumas ações rotineiras, tais como, sentar, levantar, trabalhar, dormir, usar o computador e o celular, ou até mesmo quedas ocasionadas na infância, um escorregão na calçada, causam desalinhamentos que resultam em mau funcionamento da coluna vertebral e dessa forma, acaba por ameaçar o sistema nervoso.

Comumente as pessoas focam apenas no alivio de sua dor, e esquecem de buscar qual a real causa delas, e a deixam mesmo que involuntariamente piorar com tempo, comprometendo a função da articulação, do sistema nervoso e consequentemente de sua saúde. Porém mesmo que desagradáveis, a dor e outros sintomas são sinais do nosso corpo para nos avisar que algo não está bem.

O sinal apresenta-se como um sintoma, que pode ser a dor, uma dormência ou formigamento, ou ainda, outros que possam nos alertar sobre o problema que está acontecendo.

Você pode mudar sua vida com a Quiropraxia, mas isso dependerá de qual é seu conhecimento com relação a profissão, muitos acreditam que ela trata somente dores nas costas e a coluna vertebral, e até confundem com outras profissões da área da saúde, dessa forma acabam se abstendo dos reais benefícios que o cuidado Quiroprático pode lhe trazer.

Algumas pessoas afirmam que vão ao seu Quiropraxista e lá tratam dor de cabeça, outras podem lhe afirmar que tratam problemas menstruais, dores no nervo ciático, dores lombares, enxaquecas, torcicolos, insônia, adormecimento dos braços ou das pernas, formigamentos, ou seja cada um afirmará de acordo com sua experiência já vivenciada numa clínica de Quiropraxia, e todas elas estão corretas de serem afirmadas.

Mas é importante salientar que a Quiropraxia não trata apenas esses problemas, como pode previnir que eles ocorram pois a Quiropraxia que tem o poder de revitalizar sua energia, melhorar seu desenvolvimento profissional, mental, esportivo, aumentar sua resistência física e imunológica e evitar assim o surgimento de doenças, e o uso de medicamentos que tanto nos prejudicam, fazendo você se sentir mais vivo.

Principais problemas tratados


  • Dor cervical
  • Dor torácica
  • Dor lombar
  • Dores de cabeça
  • Dormência nos braços e pernas
  • Perda de força
  • Dor ciática
  • Dor articular
  • Escoliose
  • Hérnia de disco